PlanetGeek

Hackers usam exploits falsos para infectarem investigadores

24-05-2022 | 20:00 | Aberto até de Madrugada

Hackers criaram demonstrações de vulnerabilidades que continham backdoords para infectar os investigadores que as testassem.

A vida de investigador de segurança não é fácil. Para além de lidarem com vulnerabilidades, são também um alvo preferencial para ataques por parte dos grupos de hackers que criam malware, e foi precisamente isso que aconteceu.

Quando uma vulnerabilidade é descoberta ou anunciada, é apenas uma questão de tempo até que surja um chamado "proof of concept" (PoC) que demonstra com a dita vulnerabilidade pode ser explorada. Essas demonstrações são frequentemente usada pelos investigadores, para analisar como funciona e quais os impactos no sistema, mas até nisto é preciso ter especial cuidado. Neste caso, vários destes PoC estavam infectados com um backdoor, com o objectivo de dar aos atacantes acesso completo às máquinas dos investigadores.
Tendo em conta a área em questão, é difícil imaginar que qualquer investigador de segurança se limitasse a confiar e executar qualquer código ou demonstração tirado da internet sem tomar as devidas precauções - como executá-los numa máquina virtual isolada de tudo o resto. Mas, como há sempre novas vulnerabilidades, não seria a primeira vez que uma delas permitisse a um malware "saltar para fora" da máquina virtual, potencialmente conseguindo infectar a máquina principal física. Pelo que, os riscos são bem reais.

Dito isto, a área dos bug bounties, da descoberta de falhas em software, é uma área potencialmente bastante lucrativa, havendo investigadores e equipas que acumulam centenas de milhares de euros por conta das falhas que descobrem e reportam às empresas afectadas. Se estiverem sem ideias quanto à área a seguir e tiverem jeito para "partir coisas" em versão digital, é algo a considerarem.

A.I. Imagen da Google cria imagens por pedido

24-05-2022 | 17:30 | Aberto até de Madrugada

A Google tem um sistema de A.I. para criar imagens, chamado Imagen, que supera as capacidades do impressionante DALL-E 2.

Recentemente ficamos a conhecer o impressionante DALL-E 2, capaz de tornar realidade qualquer imagem que se descrevesse, incluindo coisas tão absurdas como "taça de sopa que parece um monstro, feita de lã". Mas agora a Google diz já ter conseguido superar isso.

Com o Imagen a Google diz ter conseguido um sistema ainda mais avançado, com melhor compreensão de coisas como o posicionamento dos elementos descritos, possibilitando coisas como: "Galeria de arte com pinturas de Monet. A galeria está inundada. Com robot a passearem usando pranchas de paddle"; ou "Pintura majestosa de uma rainha guaxinim vestindo um traje real vermelho. O quadro está pendurado numa parede ornamentada com papel de parede."
Infelizmente, ainda não é desta que a Google nos dá uma ferramenta que nos permita escrever a descrição da imagem que queremos, limitando-se a disponibilizar uma mini-demonstração no site que nos deixa escolher entre diferentes elementos pré-seleccionados para ver o tipo de resultados que se pode obter. Mas, está mais que visto que isso será uma questão de tempo, e que em vez de procurarmos imagens e perdermos tempo a editá-las num programa estilo Photoshop, poderemos simplesmente pedir ou descrever uma imagem para que ela seja gerada à medida das nossas necessidades.

O passo que se segue? Imaginem isto transposto das imagens estáticas para vídeo, com uma AI a poder transformar um argumento num filme. :)

Notícias do dia

24-05-2022 | 16:30 | Aberto até de Madrugada

Google Street View celebra 15 anos com viagens no tempo e nova câmara compacta e modular; tarifário Lyca Nacional M dá 15 GB por €10; Asus anuncia monitor ROG Swift de 500 Hz; Instagram renova visual e inova nos tipos de letra; e hackers usam contas pré-registadas para enganar vítimas.

Antes de passarmos às notícias, já temos novo passatempo semanal, que desta vez te pode valer uns earphones BT Black Shark.

Windows 11 prepara restauro de apps para novo PC

A Microsoft está finalmente a preparar uma funcionalidade para facilitar a vida aos utilizadores que trocam de PC. Inspirado nos sistemas mobile, onde os utilizadores podem facilmente repor as apps e configurações do seu smartphone antigo, também no Windows 11 os utilizadores poderão reinstalar automaticamente as apps que tinham instaladas num computador anterior.

Claro que isto se limita às apps que forem instaladas via Microsoft Store (o que ainda não é tão frequente como a MS desejaria); mas a MS também está a trabalhar em mudar isso, tendo aberto as submissões de apps win32 a todos os developers - dispensando a lista de espera que estava a impôr, e que fazia com que grande número de apps não estivessem lá mesmo que os seus developers estivessem dispostos a isso.


MS apela aos developers com Dev Box na cloud

Depois do Windows 365 na cloud, a MS começa a expandir a sua utilização a outro sector bastante importante, os developers.

As Microsoft Dev Box são sistemas pré-configurados de máquinas virtuais na cloud, para desenvolvimento de software de todo o tipo: apps desktop, apps mobile, IoT, jogos. E que não só podem ser usadas para criar software para Windows como também para Linux, tirando partido do is Windows Subsystem for Linux. Um dos atractivos é esta solução permitir que cada projecto fique com a sua VM associada, permitindo regressar ao projecto sempre que necessário, sem ter que lidar com alterações que entretanto foram feitas para outros projectos.


Chrome com resultados Google Lens na mesma página

Depois de ter forçado os utilizadores a utilizarem a pesquisa de imagens via Google Lens removendo a pesquisa tradicional do Chrome, a Google tenta tornar a opção mais apelativa com apresentação de resultados de forma menos intrusiva.

Até agora, a pesquisa de imagens via Google Lens atirava o utilizador para outra tab do browser, mas a Google está a começar a apresentar esses resultados numa coluna lateral na própria página, facilitando o processo de pesquisa e comparação das mesmas - e tirando partido do formato alargado dos nossos monitores, que muitas vezes desperdiçam esse espaço horizonta. Ainda assim, agradecia que a Google nos desse a opção para fazer a pesquisa de imagem sem ser via Google Lens, sem necessidade de recorrer a extensões externas para isso.


Windows 11 vai permitir widgets de terceiros

Além dos seus próprios widgets, a MS diz que é sua intenção abrir a criação de widgets para Windows 11 a todos os developers, para que possam aumentar a gama de possibilidades das suas apps windows e também web apps.

Actualmente, os utilizadores Windows 11 estão limitados a uma selecção de widgets criados pela Microsoft, apresentando coisas como o estado do tempo e notícias. A abertura a mais developers poderá expandir significativamente o interesse dos widgets, especialmente os que disponibilizarem o acesso a informação ou funções que são utilizados frequentemente pelos utilizadores.


Curtas do dia


Resumo da madrugada



Curiosidade do dia: Os primeiros computadores comercializados com formato tablet foram os Z88 da Cambridge Research e o Write-Top da Linus Technologies, ambos lançados em 1987. Este último pesava 4 kg, o que serve como exemplo perfeito para a evolução que se teve desde então.


Chuwi GemiBook Pro 14 a €288

24-05-2022 | 15:30 | Aberto até de Madrugada

Depois do Aerobook, trago-vos mais um portátil tentador que fica situado entre esse e o mais económico UBook: o GemiBook 14 com ecrã 2K.

Já tínhamos falado do GemiBook 13; mas este GemiBook Pro 14 aumenta ligeiramente o tamanho do ecrã mantendo todas as principais características já conhecidas, incluindo o ecrã com margens reduzidas em redor, que faz com que este portátil de 14" acabe por ter dimensões mais compactas do que seria habitual, e sem que se deixe de desfrutar de um ecrã 2K 3:2 com resolução 2160x1440 que nos oferece área vertical mais confortável para trabalhar.

O resto das características também não são más, considerando o segmento de preço em que se insere: temos um CPU Intel Celeron J4125 quad-core com turbo até 2.4 GHz, 8 GB de RAM, SSD de 256 GB (expansível, com 2 slots M.2), webcam de 1MP, bateria de 38 Wh, teclado retroiluminado, WiFi ac dual-band USB 3.0, USB-C, micro-HDMI, e Windows 10.
O Chuwi GemiBook Pro 14 está disponível por 288.27 euros na Amazon Espanha.

Mesmo tendo um CPU modesto, os 8 GB de RAM e o SSD permitem que enfrente todo o tipo de utilização comum de um computador sem grandes embaraços, incluindo aguentar com várias dezenas de páginas abertas no browser, a par de apps como o Office, edição de fotos, etc. Definitivamente mais que suficiente para uso dos mais novos (e menos novos) para fazerem os seus trabalhos e sessões de video-conferência.


Podes acompanhar as melhores promoções diárias no nosso grupo AadM Promos.

Monitor Asus ROG Swift chega aos 500Hz

24-05-2022 | 14:30 | Aberto até de Madrugada

Para os fãs da latência reduzida, a Asus propõe o monitor ROG Swift, capaz de funcionar a uma frequência de até 500 Hz.

Depois dos 144 Hz, 240 Hz e 360 Hz, eis que se dá início à era dos monitores gaming de 500 Hz. A Asus já anunciou oficialmente o seu ROG Swift 500 Hz.

O ROG Swift 500Hz é o primeiro monitor gaming do mundo com velocidade de atualização de 500 Hz para eSports. O Swift 500Hz dispõe de um ecrã FHD (1920 x 1080) de 24.1" que utiliza tecnologia Esports-TN (E-TN) para produzir tempos de resposta 60% mais curtos do que os ecrãs LCD TN normais, tornando-o no ecrã LCD mais rápido de sempre. O Swift 500Hz inclui NVIDIA G-SYNC e o modo Esports Vibrance melhorado - especificamente afinado para eSports - integrado diretamente no firmware do monitor. Permite que mais luz viaje através dos cristais LCD, dando às cores novos níveis de vibração. Com a latência como fator crucial no gaming eSports, o Swift 500Hz inclui também o NVIDIA Reflex Analyzer, permitindo aos jogadores medir a latência com apenas um clique.


Não se pode dizer que seja inesperado, considerando que no início do ano já tinhamos falado dos primeiros painéis LCD de 500 Hz, e que seria apenas uma questão de tempo até que as principais marcas no mercado com presença no sector gaming o aplicassem nos seus monitores.

Tendo em conta que os monitores de 240 Hz surgiram em 2017, passando-se para os 360 Hz em 2020, e agora para os 500 Hz em 2022, poderemos estar a caminho de ter monitores de 1000 Hz daqui a poucos anos.

Lyca Nacional M com 15 GB por €10

24-05-2022 | 13:00 | Aberto até de Madrugada

A Lyca Mobile está a promover o tarifário Lyca Nacional M, que quer facilitar as contas igualando os gigas por euro, e com desconto promocional.

A Lyca Mobile, o maior operador virtual móvel do mundo e há dez anos com operação em Portugal, comercializa agora o cartão SIM Lyca Nacional M, um cartão de telemóvel pré-pago que permite usar 15GB de Internet e ainda efetuar chamadas nacionais para todas as redes. Com o Lyca Nacional M, o utilizador pode usar 15GB de Internet, usufruir de 1000 minutos de conversação e SMS, efetuar chamadas e usar 10 GB de internet em serviço de roaming ao viajar por todos os países da UE/EEE e Reino Unido. A proposta é simples de entender: por 15€ o cliente usufrui de 15GB para além dos 1000 MIN/SMS e ainda roaming. Tudo sem precisarem de fazer um contrato nem de fidelização, porque se trata de um produto pré-pago com carregamentos, para total controlo por parte dos clientes.
Os consumidores podem ainda usufrui de descontos em LycaMobile.pt e nos pontos de venda directa da marca em Lisboa, Porto, Coimbra e Faro, podendo reduzir a mensalidade para os 10 euros.


É um tarifário que se será competitivo em Portugal, mas que demonstra a enorme disparidade que temos com o resto da Europa. Basta relembrar que ainda recentemente falamos de um tarifário em Itália, também da Lyca Mobile, que por 10 euros oferece 220 GB!

How to Implement a PHP CDN File Syncronization Solution to Serve Static Files Faster in CakePHP Applications

24-05-2022 | 12:11 | Manuel Lemos

By Manuel Lemos
A Content Delivery Network (CDN) is a service that allows off-loading the service of pages and other Web site resources to a network of third-party servers.

Those servers can be geographically closer to the users of a site, thus making the service of those site pages faster for those users.

This package can perform several operations to store and retrieve files stored in CDN servers directly. It makes it easier for developers to manage content stored in CDN servers from the Web sites they developed.

Reflector solar para pátios à sombra

24-05-2022 | 12:03 | A Minha Alegre Casinha

Este projecto mostra-nos uma solução prática e eficaz para levar luz a recantos mais ensombrados.

Quem tiver pátios ou janelas viradas para nascente, sabe que isso também significa que serão os primeiros a ficar sem luz à medida que sol vai baixando no horizonte. Mas, em vez de recorrerem a iluminação eléctrica para garantirem a luminosidade desejada, podemos optar por uma solução mais ecológica e com custo energético nulo. Para isso, bastará reaproveitar a própria luz solar.

A forma como isso é feito é a mais simples possível: usando espelhos. Neste caso, milhares de pequenos espelhos, que foram colados na parte exterior de uma antena parabólica reciclada, para proporcionar uma superfície convexa. Ter atenção para não colar ou orientar os espelhos do lado côncavo, senão acabam com um concentrador solar que - apesar de poder ser interessante para outros projectos, poderá resultar em queimaduras, e não é aquilo que se pretende aqui. Desta forma, teremos uma superfície espelhada que poderá espalhar a luz do sol por uma vasta área.
As vantagens: o sistema gasta zero energia e proporciona uma iluminação simultaneamente funcional e decorativa, podendo adicionar-se mais reflectores para aumentar a luminosidade ou expandir a área, e sendo praticamente livre de manutenção (além de ocasionalmente dar uma lavadela nos espelhos para garantir a máxima eficácia). Como desvantagens, o sistema apenas funcionará se houver luz solar, pelo que não servirá de muito nos dias mais encobertos; mas nesses dias já seria obrigatório recorrer a iluminação artificial de qualquer forma.

Google Street View celebra 15 anos com viagens no tempo e nova câmara

24-05-2022 | 11:00 | Aberto até de Madrugada

O Street View já tem 15 anos, e a Google mostra-nos a sua mais recente câmara, assim como a possibilidade viajar no tempo além do espaço.

O projecto louco de nos deixar visitar virtualmente qualquer local do planeta passou da ficção científica para a realidade, sendo que actualmente as novas gerações consideram perfeitamente banal poderem ver uma estrada ou caminho do outro lado do planeta, como se estivessem lá. Mas, além de nos deixar viajar espacialmente, o Street View vai também fazer chegar ao Android e iOS a possibilidade de se viajar no tempo, escolhendo capturas anteriores do Street View, e assim permitindo comparar a evolução dos locais.

Mas as novidades não se ficam por aqui, a Google também nos mostra a sua mais recente câmara Street View. Uma câmara mais compacta e com design modular, permitindo a instalação de coisas como LIDAR, quando necessário. Esta câmara pode ser usada em carros ou outros veículos, sem necessidade de grandes adaptações, ou até em mochilas; dispensando a necessidade de usar câmaras diferentes do Street View para cada tipo de captura, sendo controlada unicamente através de um smartphone em vez de necessitar de hardware especial.


Um tamanho compacto que nos faz pensar se não estaremos mesmo prestes a entrar naquela era em que todos os carros terão câmaras destas (ou equivalentes), com todos eles a captarem imagens simultaneamente, o que permitiria ter um registo incrivelmente detalhado e completo do mundo a cada instante - permitindo ver qualquer local, a qualquer momento.

Chrome prepara opção para remover Discover Feed das novas páginas

24-05-2022 | 10:00 | Aberto até de Madrugada

Quem não for fã do feed de notícias personalizadas que o Chrome exibe nas novas tabs, poderá desactivá-lo.

Apesar de nem sempre acertar nas suas previsões dos nossos interesse, o Discover Feed da Google costuma dar notícias relevantes para cada utilizador; e quem não tiver por hábito visitá-lo no ecrã mais à esquerda do seu home screen, também o pode ver sempre que abre uma nova tab no Chrome para Android ou iOS. Mas, como sempre, o que é útil para uns pode ser irritante ou dispensável para outros, e será por isso que a Google está a preparar uma forma de o fazer desaparecer, deixando as novas tabs sem essa secção.

A Google já está a testar uma flag para remover o Discover Feed e sites seguidos das novas tabs do Chrome.
Espera-se que, depois de passar pela fase de testes, esta opção seja disponibilizada de forma mais fácil do que obrigar os utilizadores a mexer manualmente nas flags; talvez através dos settings do Chrome ou do botão de configuração da secção Discover.

Aliás, torna-se estranho que não tenha sido desde logo essa a opção escolhida, já que no Chrome para iOS já é possível remover essa secção precisamente através das configurações exibidas directamente aos utilizadores.

Ganha earphones BT Black Shark

24-05-2022 | 09:00 | Aberto até de Madrugada

Todas as semanas temos gadgets para vos oferecer, e desta são uns earphones BT Black Shark.

A tendência da remoção das fichas tradicionais de 3.5mm tem obrigado cada vez mais utilizadores a trocar os seus headphones e earphones com cabo por versões Bluetooth. Embora a oferta nesta área tenha tido um crescimento explosivo nos últimos anos. Mas, nem todos os auriculares Bluetooth são iguais, especialmente quando usados em jogos, onde o atraso da transmissão se torna um elemento crítico, que estes earphones Black Shark garantem ter resolvido.
Já sabem como funcionam os nossos passatempos semanais: ao longo dos próximos dias iremos colocando diferentes perguntas no formulário que se segue, e no final o mesmo será oferecido aleatoriamente entre os participantes que tiverem acertado correctamente pelo menos numa delas (sendo que mais respostas certas melhorarão as vossas probabilidades de ganharem - mas atenção, pois apenas conta a primeira resposta que derem a cada pergunta.)

Loading…

Passatempo aberto a todos os participantes com morada em Portugal.

Xiaomi anuncia parceria com a Leica

24-05-2022 | 08:32 | Apps do Android


Depois da Huawei, é a a vez da Xiaomi apostar numa parceria com a Leica. 

A Xiaomi, empresa líder mundial em eletrónica de consumo e fabrico inteligente, e a Leica Camera, cuja reputação lendária se baseia numa longa tradição de excelente qualidade, tecnologias inovadoras e fabrico alemão, anunciam hoje oficialmente a sua cooperação estratégica para o desenvolvimento da tecnologia de imagem nos dispositivos mobile. O primeiro smartphone com tecnologia de imagem de topo desenvolvido conjuntamente pelas duas empresas será oficialmente lançado em julho deste ano.

Fundada em 2010, a Xiaomi é atualmente o terceiro maior fabricante mundial de smartphones. Desde a sua criação há 12 anos, que a Xiaomi tem praticado a missão de "construir incessantemente produtos surpreendentes com preços honestos para permitir que todos no mundo possam desfrutar de uma vida melhor através de tecnologia inovadora", sendo os seus smartphones e outros produtos vendidos em mais de 100 países e regiões em todo o mundo. Com uma forte aposta em I&D e um investimento contínuo a longo prazo em tecnologia, a Xiaomi tornou-se um importante líder em inovação tecnológica nos campos da eletrónica de consumo e do fabrico inteligente. E no campo da tecnologia de imagem, com base no desenvolvimento técnico a longo prazo em ótica de lentes, chips, algoritmos, etc., bem como na sua profunda compreensão da fotografia em mobile, a Xiaomi fornece experiências fotográficas extraordinárias, incluindo retratos, imagens noturnas e fotografias instantâneas. 

Google TV ganha perfis de utilizador

24-05-2022 | 08:00 | Aberto até de Madrugada

Depois de alguns atrasos, a Google começa finalmente a fazer chegar o suporte para diferentes utilizadores no Google TV.

Tendo começado por lançar um perfil diferenciado para crianças, a Google dá agora o passo que muitos aguardavam: a de permitir a criação de perfis diferenciados para cada membro da família.

Não há nada mais irritante do que ter um serviço que é usado por múltiplas pessoas, e que depois faz com que umas pessoas tenham o seu histórico preenchido com pesquisas e sugestões referentes aos gostos e actividades das outras. Isso é algo que faz com que nos serviços de streaming seja de importância crítica suportar diferentes utilizadores, e que também se aplica ao Google TV.
Esta actualização irá chegar aos dispositivos com Google TV ao longo das próximas semanas, permitindo adicionar diferentes pessoas através da sua conta Google, e criar uma watchlist diferenciada para cada utilizador, assim como seleccionar que serviços de streaming se quer utilizar com cada um dos perfis.

Um pormenor interessante é que também é possível remover o perfil de um televisor mesmo no caso de não se ter acesso ao televisor, através da página de equipamentos associados à conta Google. Uma opção útil quando o televisor se avaria, por exemplo, e que evita a preocupação de o enviar para reparação com acesso a coisas das nossas contas e serviços.

Oppo Pad Air inspira-se no iPad da Apple

24-05-2022 | 07:00 | Aberto até de Madrugada

A Oppo tem um novo tablet Pad Air, que volta a seguir o caminho fácil de se inspirar no iPad da Apple.

Se no smartphones a Oppo conseguiu criar a sua própria imagem, nos últimos anos com o seu módulo de câmaras moldado na traseira, nos tablets a táctica parece ser a de replicar o tablet mais bem sucedido do mercado.

Ninguém poderá levar a mal se pensar que o Oppo Pad Air é um iPad, chegando com um ecrã de 10", Snapdragon 680, 4 ou 6 GB de RAM, 64 ou 128 GB + microSD, bateria de 7100 mAh e ColorOS baseado no Android 12.
Na China o modelo base de 4+64 GB irá custar apenas 181 euros, com o modelo de 6+128 GB a ir para os 237 euros. Tem também disponíveis acessórios como um stylus por 41 euros, e uma capa teclado por 49 euros.

Agora é esperar para ver que preços irá ter quando chegar ao nosso país.

Hackers usam contas pré-registadas para enganar vítimas

23-05-2022 | 20:00 | Aberto até de Madrugada

Criar uma conta num site pode deixar o utilizador imediatamente em risco, desde antes de ter feito o registo.

Não há limites para a imaginação e técnicas utilizadas por atacantes para se apoderarem das contas das vítimas, incluindo fazer o pré-registo das mesmas. Serviços como o Instagram, LinkedIn, Zoom, WordPress, e Dropbox eram vulneráveis a este tipo de ataques via pré-registo das contas.

Este ataque é feito com o atacante a iniciar o registo num serviço usando o email da vítima, e depois explorando diversas vulnerabilidades que lhe podem dar acesso à conta quando a vítima efectivamente fizer / concluir o registo. O processo ficará "encravado", já que o atacante não tem acesso ao email da vítima para confirmar o endereço de email (embora, inacreditavelmente, ainda existam serviços que não fazem a confirmação do endereço de email!), mas existem diversas técnicas que podem ser usadas e que podem permitir que a pessoa que iniciou o registo - o atacante - possa ter acesso à conta depois da vítima concluir o registo.
Noutra variante, o atacante pode iniciar o registo num serviço usando um endereço de email sob seu controlo, e depois efectuar um pedido de mudança de email para o endereço de email da vítima; abrindo as portas ao mesmo tipo de ataque, e tirando partido adicional de alguns serviços também não fazerem a validação quando se trata de trocar o endereço de email.

Muitas destas falhas surgem pelo desejo dos sites facilitarem o processo de registo e de login nos seus serviços, para cativarem o maior número possível de utilizadores; mas não há desculpa para que esse facilitismo chegue ao ponto de facilitar a vida aos atacantes à custa dos utilizadores legítimos.

É também preocupante ver que estas vulnerabilidades afectavam sites bastante populares, o que garantidamente significa que haverá muitos outros sites, menos populares, que também deverão sofrer de falhas idênticas. Ter cuidado redobrado se receberem emails a pedir a confirmação de registos em serviços que não tenham sido iniciadas pelo próprio; e optar por métodos de autenticação multi-factor sempre que possível, e também forçar o encerramento de todas as sessões activas, se o serviço der essa opção.

Instagram renova visual e inova tipos de letra

23-05-2022 | 17:30 | Aberto até de Madrugada

A Meta está a renovar o Instagram, de modo a dar-lhe uma imagem mais diferenciada dos seus concorrentes, e com tipos de letra exclusivos que não deixarão ninguém indiferente.

É cada vez mais difícil perceber-se a origem dos conteúdos, nesta era que tudo é partilhado e copiado de umas plataformas para as outras, mas a Meta quer que o Instagram se torne facilmente identificável logo desde o primeiro olhar.

O Instagram está a ser alvo de uma remodelação visual, passando a dar ainda mais destaque e foco aos conteúdos, apostando na simplicidade de utilização, e também passando a contar com uma nova app para iPad pensada de raiz para os tablets.
Mas a parte que provavelmente dará mais que falar são os novos tipos de letra que o Instagram criou, que vão buscar inspiração a alfabetos com letras mais "artísticas" para nos apresentar letras romanas com alguns floreados que vão desde os subtis aos que se poderão considerar "exagerados" (algumas letras poderão até obrigar a atenção redobrada para serem decifradas).

No entanto, é algo que parece garantir aquilo que a Meta pretende. Quem republicar uma story ou vídeo do Instagram para outra plataforma não conseguirá evitar que a sua origem seja imediatamente identificável assim que aparecer a primeira palavra ou frase.

Notícias do dia

23-05-2022 | 16:30 | Aberto até de Madrugada

Elon Musk promete carros autónomos sem condutor para o próximo ano (outra vez) e vê-se envolvido em caso "Elongate" de assédio sexual; falha nos Hyundai Ioniq 5 e Kia EV6 pode destravá-los no estacionamento; o efeito da perspectiva nas fotos de retratos; bomba de baratas ataca centros de fraudes telefónicas; grupo do ransomware Conti fragmenta-se em diferentes unidades; e Kit de reparação self-service da Apple é feito para desincentivar reparações.

Antes de passarmos às notícias, já temos novo passatempo semanal, que desta vez te pode valer um carregador Anker Nano USB-C.

Xiaomi quer impedir acesso aos APKs nos Android

Da Xiaomi chega uma proposta inesperada. Um developer da Xiaomi fez a proposta para que o Android pasassse a impedir o acesso aos APKs já instalados nos equipamentos. Algo que impediria a realização de backups, ou a transferência do APK para outros smartphones para poupar nos dados mobile.

A "justificação" da Xiaomi é a de que o APK pode incluir coisas "privadas" e que, como tal, não deveria ser de fácil acesso. Mas felizmente a Google não parece estar disposta a aceitar essa justificação, referindo que não faz qualquer sentido assumir que seria possível manter o conteúdo de um APK privado, mesmo com esta tentativa de impedir o acesso aos mesmos, pelo que a expectativa de os manter em segurança estaria condenada logo à partida.


Xiaomi anuncia parceria com a Leica

Também a Xiaomi vai tirar partido do fim da parceria da Leica com a Huawei. Afinal, parece que a parceria da Leica com a Sharp não será exclusiva, e que a icónica marca germânica de câmaras também irá cooperar com a Xiaomi.

A Xiaomi vai revelar o seu primeiro topo de gama da era Leica em Julho, o que parece ser demasiada coincidência para que também a Motorola tenha anunciado o seu smartphone de 200 MP para o mesmo mês. Não seria de estranhar que também a Xiaomi tivesse um modelo a dar uso ao mesmo sensor de 200 MP, e que seria um elemento à altura para celebrar o início desta relação com a Leica.


YouTube testa reacções emoji na timeline


Depois do gráfico na timeline para indicar as partes mais populares, o YouTube está também a testar a apresentação das reacções de forma sincronizada com o vídeo.

Alguns utilizadores Android e iOS estão a ver estas reacções emoji surgirem na timeline à medida que vão vendo um vídeo, indicando partes em que grande número de pessoas reagiram de forma idêntica ao vídeo. Esperemos que seja uma opção que seja fácil de desactivar para quem não estiver interessado em ter um YouTube que tenta replicar o TikTok.





Google Assistant já acede aos dados Google Fit e Fitbit

A Google já começou a resolver a (inexistente) ligação do Google Assistant com os dados de fitness, passando a permitir que se pergunte ao Google Assistant coisas como "quantos passos dei", ou "quantas calorias gastei no dia X".

Por agora o Google Assistant passa a poder aceder aos dados do Google Fit ou Fitbit, mas embora seja possível fazer a ligação a ambos, só se pode escolher um dos serviços para estar activo (ainda há que melhorar esse aspecto, para que todos os dados sejam agregados). Sendo possível fazer a pergunta no Google Assistant em Android e iOS, e também nos smart displays como o Nest Hub. Ao menos, não é daquelas coisas que se pode fazer no Google Assistant num dispositivo mas não em outros.


Curtas do dia


Resumo da madrugada






Curiosidade do dia: O SAPO foi criado em Setembro de 1995 no Centro de Informática da Universidade de Aveiro. O nome surgiu a partir da sigla do serviço, S.A.P. (Servidor de Apontadores Portugueses), que mais tarde evoluiu para Servidor de Apontadores Portugueses Online, resultando na sigla SAPO conhecida de todos os portugueses.


Xiaomi Mi 11i 5G a €399.99

23-05-2022 | 15:30 | Aberto até de Madrugada

O Xiaomi Mi 11i está prestes a fazer um ano, mas continua a ser uma proposta bastante interessante.

O Xiaomi Mi 11i pode fazer parte da geração anterior de smartphones da Xiaomi, mas não é por isso que deixa de ser perfeitamente capaz de lidar com as exigências modernas. Este smartphone vem equipado com um ecrã AMOLED de 6.67" 2400x1080 pixeis a 120 Hz, Snapdragon 888 5G, 8 GB de RAM, 128 ou 256 GB UFS 3.1, câmaras de 108 MP + 8 MP + 5 MP, câmara frontal de 20 MP, sensor de impressões digitais lateral, e bateria de 4250 mAh com carregamento rápido de 33 W.
O Xiaomi Mi 11i 5G 8+128GB está disponível por 399.99 euros na Amazon Espanha.

Uma proposta que vem relembrar que não se tem obrigatoriamente que optar por um dos modelos acados de lançar no mercado, e que se pode ficar igualmente muito bem servido, a preço mais reduzido, apostando num modelo topo de gama do ano anterior.

Acompanha as melhores promoções diárias no nosso grupo AadM Promos.

Corsair Voyager a1600 entra nos portáteis gaming

23-05-2022 | 14:30 | Aberto até de Madrugada

A Corsair estreia-se no segmento dos portáteis gaming com o seu Voyager a1600 equipado com chips AMD Ryzen 6000 e AMD Radeon RX 6000, e com uma touch bar.

Não se pode dizer que a entrada da Corsair neste segmento seja uma surpresa, tendo em conta a aproximação que há muito tem feito ao sector gaming, e que em 2019 a levou a comprar a Origin, que se dedicava à montagem de PCs gaming.

O Corsair Voyager a1600 vem equipado com um ecrã de 16" (2560x1600) a 240 Hz, Ryzen 7 6800HS ou a Ryzen 9 6900HS, GPU Radeon 6800M, até 64 GB de RAM DDR5, SSD até 2 TB, 2x Thunderbolt 3 / USB 4.0, 1x USB-C 3.2 Gen 2, 1x USB-A 3.2 Gen 1, webcam Full HD, e leitor de cartões SDXC.
Temos teclado mecânico com teclas Cherry MX com iluminação RGB por tecla e um touchpad de grandes dimensões, mas o elemento que mais se destaca é a presença de uma "touch bar" com 10 teclas programáveis. Só que a Corsair escapa às críticas e polémicas que atormentaram os MacBooks da Apple, pois continua a manter a fila de teclas de função tradicionais.

Como seria de esperar, esta barra touch de teclas programáveis tem integração total com o software Elgato Stream Deck, permitindo controlar tudo o que se desejar nas sessões de streaming, ou servir como atalhos ou macros para qualquer outro programa que se utilize frequentemente. E, como detalhe adicional, o sistema de dobradiça "levantada" faz com que a touch bar permaneça visível e acessível mesmo quando se tem o portátil fechado.

Motorola confirma smartphone de 200 MP

23-05-2022 | 13:00 | Aberto até de Madrugada

Depois dos rumores, chega a confirmação oficial da Motorola de que irá apresentar um smartphone com câmara de 200 MP em Julho.

Há muito que se sabe que era apenas uma questão de tempo até que chegasse ao mercado um smartphone com câmara de 200 MP, coisa que ficou mais "garantida" com os leaks que revelavam que um smartphone da Motorola com essa indicação. Algo que agora foi confirmado pela marca.

O smartphone da Motorola deverá utilizar o sensor ISOCELL HP1 de 200 MP da Samsung, que a Motorola diz ser um "novo marco" na qualidade de imagem nos smartphones.
No entanto, apesar da imensidão de pixeis, este sensor é concebido para produzir imagens de 12.5 MP ou 50 MP, combinando grupos de pixeis para melhorar a qualidade, em vez de encher a memória do smartphone rapidamente com fotos de 200 MP - embora, obviamente, também o permita fazer se o utilizador assim o entender.

O Motorola Frontier deverá vir com ecrã OLED de 6.67" a 144 Hz, e contar com uma câmara frontal de 60 MP, podendo também dar uso ao mais recente e poderoso Snapdragon 8+ Gen 1.